Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Castilho - SP e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura Municipal de Castilho - SP
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
MAR
18
18 MAR 2022
ADMINISTRAÇÃO
CAMPANHAS OFICIAIS
PARCERIAS
SAÚDE
283 visualizações
Programa “Patas e Mãos que se Acolhem” já esterilizou 457 animais castilhenses
enviar para um amigo
receba notícias

Animais em situação de rua também podem ser beneficiados, desde que algum morador assuma os cuidados pós-operatórios necessários. Próxima etapa do Mutirão está focada em felinos da área rural

A Prefeitura iniciou em março do ano passado o cadastramento dos animais sob a guarda responsável de famílias consideradas em estado de vulnerabilidade social, residentes tanto na área urbana quanto rural. A iniciativa visa a castração gratuita de animais domésticos (cães e gatos), e também daqueles que não possuem donos.

Estes animais considerados sem dono, vagam por nossas ruas mas sempre são alimentados por moradores sensibilizados com o abandono, mas impossibilitados de os adotarem naquele momento. Por isso, se você é um destes bons samaritanos que ajudam a cuidar de algum animal de rua, pedimos que vá até o Centro de Controle de Zoonoses e faça o cadastro do mesmo em seu nome, pois após a cirurgia, o animal precisará de alguns cuidados pós-operatórios simples e por um período equivalente a uma semana. Depois disso, ele pode até retornar à vida cotidiana, mas acreditamos que as chances deles serem adotados após a cirurgia, se torne maior”, explica o veterinário Fernando Luiz Jorge, do CCZ.

Segundo ele, a “carrocinha” até recolhe alguns destes animais pra castração, mas a Prefeitura ainda não possui um local adequado onde ele possa ser mantido no período de recuperação sem o risco de contrair algum tipo de infecção, por exemplo.

Temos o Canil Municipal, mas o fluxo de animais ali torna o ambiente impróprio para a recuperação sem risco de cães e gatos. Por isso é importante que algum morador se responsabilize pelos cuidados pós operatórios, que são bastante simples”, completa.

CADASTRAMENTO

Para realizar o cadastramento, é necessário ir até o CCZ (ao lado da Central de Ambulâncias), levando consigo xerox do comprovante de residência, CPF e RG, de segunda à sexta-feira, das13h30 às 16h30. Para ter o pedido atendido, o morador passará por um processo de triagem social para comprovar que se enquadra nos critérios de vulnerabilidade social. Aprovada a solicitação, o morador será orientado sobre os cuidados necessários antes da operação, cuja data de realização será comunicada com a devida antecedência.

PROGRAMA BEM SUCEDIDO

De março até dezembro de 2021, o Programa “Patas e Mãos que se Acolhem” operou um total de 318 animais domésticos, sendo 95 felinos e os demais 143, caninos. Além deles, no primeiro mutirão de castração para controle populacional de cães e gatos, realizado em 28 de novembro do ano passado, 80 outros felinos foram esterilizados.

De acordo com dr. Fernando Jorge, a agilidade e sucesso do programa é resultado de um conjunto favorável de fatores:

Primeiramente temos um prefeito que se reuniu conosco logo no início do mandato para saber quais seriam as reais necessidades do Centro de Controle de Zoonoses para tornar o programa mais eficiente. Detalhamos todos os itens, instrumentos cirúrgicos e medicamentos que precisaríamos, a necessidade de firmar parceria com a Faculdade de Medicina Veterinária de Andradina e também de reforçar o nosso quadro clínico com a contratação de mais um veterinário. Todos estes pedidos foram rapidamente atendidos pelo prefeito Paulo Boaventura e a prova disso está no número de castrações já realizados neste curto período de um ano”.

COMO FUNCIONA

A parceria a que o dr. Fernando se refere é um convênio que a Prefeitura assinou com o CIENSP (Consórcio Intermunicipal do Extremo Noroeste Paulista) no primeiro bimestre do ano passado, possibilitando que profissionais da faculdade de Medicina Veterinária da Fundação Educacional de Andradina (FEA), pudessem participar do Programa Municipal de Controle Populacional de Cães e Gatos.

Em linhas gerais, este Programa atua em três frentes de trabalho: “com encaminhamento de alguns animais diretamente à Faculdade Veterinária de Andradina; com a castração semanal realizada pela própria equipe técnica do CCZ e, em mutirões regulares, conforme a demanda”, explica José Carlos Justi, que é secretário de Agricultura, Meio Ambiente e Turismo, mas que se tornou parceiro do CCZ neste importante programa.

MUTIRÕES

Até o momento, a Prefeitura de Castilho já realizou 02 destes mutirões, com resultados altamente satisfatórios. O primeiro, realizado em novembro do ano passado, castrou 80 gatos. Já o segundo aconteceu na semana passada, entre os dias 09 e 12 deste mês de março, resultando em 29 operações de felinos. Além deles, neste ano de 2022 já foram esterilizados outros 30 cães, contabilizando um total de 59 animais somente nestes primeiros 71 dias do ano.

Ainda segundo informou o dr. Fernando Jorge, o mutirão agendado para o próximo dia 30 de abril atenderá prioritariamente os felinos da área rural do município, cumprindo outra meta anunciada pelo Prefeito Paulo Boaventura no lançamento oficial do programa “Patas e Mãos que se Acolhem”.

Fonte: Secretaria Municipal de Saúde e Vigilância
Autor: Centro de Controle de Zoonoses
Local: CIS - Centro Integrado de Saúde
Seta
Versão do Sistema: 3.2.3 - 06/06/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia