Prefeita Fátima prestigia encerramento das oficinas culturais

CASTILHO – Mesmo após um dia de intenso cansaço após visitas nos assentamentos rurais, a Prefeita Fátima Nascimento reuniu forças para prestigiar os alunos das Oficinas Culturais. Na noite do último sábado, 07 de dezembro, o Departamento de Arte e Cultura, coordenado por Luciana Claudino,  realizou o encerramento das atividades do ano 2019 com apresentações de diversas oficinas, entre elas o Projeto Guri.

“Esse é o momento dos nossos alunos mostrarem aos seus pais o que de melhor eles aprenderam aqui durante este ano. Tenho certeza que estão se transformando em bons músicos pois estão aprendendo com grandes profissionais”, destacou a Prefeita Fátima. Ela ainda citou de sua alegria ao ver os novos instrumentos musicais e roupas adquiridas em sua gestão como forma de valorizar ainda mais cada uma das oficinas.

A primeira apresentação da noite foi da oficina de teclado, coordenado pelo professor Samuel.  Três alunos fizeram apresentações individuais e ganharam muitos aplausos do público. Na sequência foi a vez do Projeto Guri trazer ao palco três canções ao comando dos professores Marcelo e Henrique. Uma das canções tinha participação da dupla Fabrício & Marcio Viola. “Faz parte do projeto ‘Guri Convida’ que tem como proposta trazer um convidado para participação especial”, explicou o maestro Marcelo Carreira. O interessante desses convidados é que o músico Fabrício é pai de um aluno do Projeto Guri que também estava no palco.

A orquestra de Violino, aos comandos dos professores Lucas e Lucas, também fez um show a parte e encantou a todos com belíssimas canções. Na última delas uma participação especial do jovem Matheus cantando o Hallelujah.

Finalizando as apresentações culturais a Orquestra de Violeiros trouxe ao palco cinco canções inéditas do repertório do grupo. As músicas executadas foram: Vontade Dividida, 60 dias apaixonados, Fazenda São Francisco, Planeta Azul e Tristeza do Jeca. Ao término o maestro Marcelo Carreira deixou aberto o convite para outros interessados ingressarem na orquestra. Mesmo os que ainda não tocam violão, poderão primeiro fazer a oficina musical do referido instrumento e depois se juntar ao grupo. Todas oficinas são oferecidas gratuitamente pela Prefeitura de Castilho.