Castilho terá Especialidades Médicas e Cirúrgicas com agilidade

CASTILHO – Com aprovação quase que unânime da Câmara de Vereadores (8 a 2), a Prefeita Fátima Nascimento aumenta o valor da subvenção à Santa Casa de Andradina e garante aos castilhenses um atendimento de rapidez e especialidades médicas hospitalar. O repasse que era de R$ 422 mil ano será agora de R$ 3 milhões. Segundo a Prefeita, a alteração dessa subvenção tem por objetivo diminuir o déficit na saúde pública de Castilho com relação as consultas especializadas, exames e cirurgias, tais como oftalmologia, ginecologia, obstetrícia, cardiologia, neurologia, ortopedia, pediatria, coloproctologia, reumatologia, urologista, dentre outros.

“Queremos com isso disponibilizar com maior agilidade cirurgias de média e alta complexidade, tendo inclusive acesso a leitos de UTI- adulto”, disse Fátima. “Ou seja, vamos dar um avanço no atendimento médico hospitalar a nossa gente, em especial, aos menos favorecidos”, completou.

As UBS (Unidades Básicas de Saúde), de Castilho continuarão a dar assistência necessária, entretanto, com o subsídio a ser repassado para Santa Casa de Andradina, o tempo de espera dos pacientes será bem menor. Pois além de funcionar 24h por dia, teremos acesso também ao Pronto Atendimento e Policlínica recém-inaugurado, o local dispõe de ao menos seis consultórios médicos com amplas e modernas instalações.

Serão atendimentos rápidos, eficientes e com padrão de hospital particular. A secretária municipal de Saúde, Janini Nascimento, comemorou esta ação da Prefeita e agradeceu aos vereadores pela aprovação do projeto.

“Sem esse apoio da Câmara seria difícil. Agora teremos a oportunidade de oferecer várias outras cirurgias aos nossos pacientes sem que eles precisem aguardar com dor uma eternidade”, comentou Janini. Entre as outras cirurgias que também serão cobertas pela nova parceria estão partos cesariano (atualmente são realizados em Mirandópolis), varizes, hérnia inguinal, histerectomia, hérnia umbilical, sling, amígdala/adenóide, colecistectomia, próstata, postectomia e catarata.

CÂMARA – Durante aprovação do projeto na sessão desta segunda-feira,18, os vereadores viram com bons olhos a proposta da Prefeita. Para o presidente do Legislativo – Tião Japonês, este é um projeto que beneficiará diretamente Castilho.

“Vai acabar com as dificuldades dos pacientes e facilitar para quem fica na fila de espera. O hospital daqui não tem condições físicas para atender o que estamos votando aqui hoje. É algo de urgência, porque precisamos dar uma nova era a saúde castilhense”, frisou.

Outro que também destacou a importância desse projeto foi o vereador Juliano Faria. “Eu acredito que trará sim muitos benefícios. Há anos tem gente na fila de espera aguardando exame ou cirurgias, outros que já até morreram. Não podemos brincar com a saúde da população. Parabéns mais uma vez a secretária de Saúde (Janini) e a prefeita Fátima Nascimento, bem como a nossa Câmara”.

Segundo Juliano, a proposta foi discutida e oferecida ao hospital José Fortuna, mas o diretor Devanir Pimenta, o Deva, alegou falta de condições físicas da unidade em tocar o projeto.

Da mesma maneira também opinou o vereador Daniel Batista Oliveira. “Estou votando conscientemente. O esforço que está sendo feito na saúde é muito importante. Não tem como ficar adiando um projeto como este que vai estar atrasando o tratamento de uma pessoa. Sou favorável a uma saúde melhor em Castilho sempre”.

CONTRÁRIOS – Apenas dois vereadores votaram contra o projeto. Itamar Vieira e Giovany Vicente. Itamar tentou pedir vista do projeto para não aprová-lo na sessão alegando falta de tempo para estudá-lo. Porém, teve o pedido reprovado ante um requerimento de oito vereadores que apoiavam a votação urgente. Giovany justificou que não votaria a favor do projeto por não se sentir seguro. “Não voto contra a saúde. Mas hoje não me sinto seguro e confortável para votar neste projeto”, disse.

Votaram favorável ao Projeto de Lei que possibilita à população Castilhense acesso fácil às especialidades médica hospital e cirurgia de média e alta complexidade os Vereadores: Tião Japonês, Ailton Pereira, Juliano Faria, Daniel Batista, Flávio Nascimento, Ademar Onório (Lorinho), Waldomiro da Pendengo e João Paulo. O Vereador Waguinho teve uma indisposição no decorrer da sessão e se ausentou por questão médica.